quinta-feira, 30 de julho de 2009

Plantão de Notícias 14h.

*O presidente do Inep, órgão responsável pela aplicação das provas do Enem, Reynaldo Fernandes, recomendou nesta quarta-feira, dia 29, que os alunos não deixem questões em branco na prova, e “chutem” caso não saibam a resposta.
Segundo Reynaldo, o computador vai ler como “errada” qualquer pergunta deixada sem resposta e, escolhendo um item, o candidato ainda tem chances de acertar.
A correção da prova, apesar disso, vai levar em conta o padrão de respostas do estudante. Será possível identificar, por exemplo, se ele “chutou” muito no exame.
A prova do Enem terá 180 questões e será aplicada nos dias 3 e 4 de outubro.
O resultado final será divulgado nos dias 4 de dezembro, para as provas objetivas, e 8 de janeiro, para a redação.
-
*Desde a última segunda-feira, dia 27, está sendo realizado em Pau dos Ferros o Seminário Regional de Formação em Educação Inclusiva - Direito à diversidade. Esse evento vai se estender até amanhã, dia 31.
O encontro reúne representantes de diversos municípios do Rio Grande do Norte que compõem o programa do MEC na região.
O objetivo é apoiar a implementação da Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva, nas redes públicas de ensino.
-
*O presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou na última terça-feira, dia 28, que vai lançar, em fevereiro do ano que vem, um novo Programa de Aceleração do Crescimento, o chamado PAC, para o período de 2011 a 2015.
Segundo Lula, o objetivo é deixar as coisas aprovadas, para quem entrar depois dele não tenha de "começar do zero".
-
*Banco Central vai abrir 500 vagas para concurso. Quem traz os detalhes dessa matéria para você é a repórter da Agência do Rádio, Leilane Alves.
Clique e Ouça!

Nenhum comentário:

Postar um comentário