terça-feira, 18 de agosto de 2009

Plantão de Notícias 9h.

(1)Presidência do Senado cria canal virtual para Sarney se defender.

Em meio a crise institucional que enfrenta o Senado, a assessoria de imprensa da Presidência da Casa deve colocar no ar, no portal do Senado, um canal para a defesa do presidente José Sarney (PMDB-AP). A ideia é publicar todas as notas, discursos e ações feitas por Sarney desde sua posse como presidente do Senado pela terceira vez.

A presidência explicou que a decisão de criar o canal não foi tomada pelo novo Secretário de Comunicação (Secom) Fernando Mesquita, mas, sim, pelo próprio presidente. E acrescentou que Secretaria de Imprensa da Presidência do Senado não tem relação com a Secom. Os dois órgãos são independentes.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

(2) ANJ lista 12 casos de censura em 13 meses.

A Associação Nacional de Jornais (ANJ) divulgará hoje, na assembleia que marcará os 30 anos da entidade, relatório sobre 12 casos de censura determinados pela Justiça desde julho do ano passado.

Um dos casos mais recentes é o que envolve o Estado, impedido, por decisão liminar do desembargador Dácio Vieira, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJ-DF), de publicar informações relativas a uma investigação da Polícia Federal que atingiu Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). O desembargador determinou a cobrança de multa de R$ 150 mil em caso de descumprimento da proibição.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

(3) MP reage à Record e diz que não se intimidará.

Ao rebater insinuações feitas pela Rede Record de Televisão, o Ministério Público de São Paulo afirmou ontem que não se intimidará pela estratégia da emissora que, segundo o MP, tenta desqualificar a investigação que transformou em réus o fundador de Igreja Universal, bispo Edir Macedo, e mais nove pessoas. Todos foram acusados de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

O Ministério Público Estadual continuará exercendo seu papel constitucional, sempre respeitando o devido processo legal, e em hipótese alguma se deixará intimidar em razão de distorções dos fatos e insinuações perpetradas por quem quer que seja.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

(4) Secretário de Sorocaba é preso em motel com meninas.

Secretário de Sorocaba é preso em motel com meninas de 14 e 15 anos
Exonerado do cargo, ele poderá ser condenado a dez anos de prisão

O secretário de Administração de Sorocaba perdeu o cargo ontem, após ser preso em flagrante num motel com três meninas adolescentes. Ele já era investigado por ter se encontrado antes com menores de idade.

No sábado, foi preso em flagrante em um motel de Itu, a 80 quilômetros da capital paulista. Ele estava em um quarto com uma menina de 15 anos e duas de 14. As garotas disseram à polícia que cada uma receberia R$ 100 pelo programa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário