quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Plantão de Notícias das 11h


1. Prefeitura consegue incluir remoção do Maruim no PAC



Um protocolo de cooperação federativa assinado na tarde desta terça-feira (10), entre o Governo Federal e a Prefeitura do Natal, garantiu a inclusão das obras de remoção da favela do Maruim, localizada no bairro da Ribeira, no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

“Esses recursos vão servir para melhorar a vida de toda população de Natal. Os habitantes do Maruim terão melhor condição de moradia, com mais dignidade, e a remoção da comunidade vai permitir a ampliação do porto de Natal, o que resultará no aumento da capacidade de carga a ser recebida através de navios e, por consequência, na redução do preço de muitos produtos”, reforçou a prefeita do Natal, Micarla de Sousa.
-------------------------------------------------------------------------------

2. Agentes abortam fuga em massa na 11ª DP em Cidade Satélite

Agentes da 11ª Delegacia de Polícia, abortaram uma fuga em massa na madrugada desta quarta-feira (11) em Cidade Satélite, zona sul de Natal. Os presos chegaram a serrar as grades de duas celas e fizeram um buraco na parede do banheiro, porém os policiais perceberam a movimentação antes que qualquer detento pudesse escapar.

--------------------------------------------------------------------------------

3. Campanha Nacional de Recadastramento de Armas vai até 31 de dezembro

Os cidadãos brasileiros optaram pelo direito de ter armas no referendo popular de 2005. Tal decisão trouxe também a obrigatoriedade de mantê-las com a documentação sempre em ordem. Para ajudar nesta tarefa, desde julho de 2009, acontece a Campanha Nacional do Recadastramento, parceria entre a Polícia Federal e a Associação Nacional da Indústria de Armas e Munições (Anian).
----------------------------------------------------------------------------------

4. Comissão do Senado aprova 14° salário para professores de escolas com bom desempenho

A Comissão de Educação do Senado aprovou hoje (10) um projeto de lei que prevê 14° salário para professores de escolas que tiverem bons resultados no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). A matéria precisa agora passar pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e depois, pela a Comissão de Assuntos Sociais (CAS), na qual tramitará em caráter terminativo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário