segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Plantão de Notícias das 11h

1. Dinheiro para combate à violência fica no banco

Tratado como prioridade absoluta em discursos políticos, principalmente em campanhas eleitorais, o combate à violência ainda é retrato do desleixo de parte da administração pública do país.

Monitoramento da Fundação Getúlio Vargas (FGV) constatou que, até julho deste ano, 14 estados e 53 municípios haviam recebido verbas do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania), mas deixaram o dinheiro parado em contas bancárias.
--------------------------------------------------------------------

2. Rosalba Ciarlini:diz que não existem barreiras no seu partido"

Pautada para um pronunciamento de abordagem da crise financeira que atinge os municípios brasileiros, a senadora potiguar abriu espaço para conceder uma entrevista exclusiva ao jornal O Mossoroense.

Em meio às colocações da senadora, destaque para a tendência de candidatura ao Governo do Estado e a visão de que o DEM não impedirá a consolidação do seu projeto político.
--------------------------------------------------------------------

3. Poder Executivo municipal reduz salários em 15% como medida de enfrentamento à crise financeira


Até o final do ano a remuneração mensal dos prefeito, vice-prefeito, secretários e demais ocupantes de postos comissionados na estrutura administrativa da Prefeitura Municipal de Ipanguaçu terá uma diminuição de 15%. A medida foi divulgada pelo prefeito Leonardo da Silva Oliveira (PT), como argumento de que é um gesto que tem por finalidade adequar a realidade econômico-financeira do município à crise ora instalada e que tem penalizado duramente a arrecadação própria das prefeituras de todo o Estado e do país.

----------------------------------------------------------------------

4. Ex-funcionários do Bandern estão há 19 anos na busca pela implantação do PCCS

Mais um ano se passou e os ex-funcionários do Banco do Estado do Rio Grande do Norte (Bandern) ainda aguardam a implantação do Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS). Desde que o banco foi liquidado, há 19 anos, os servidores remanejados para a Secretaria Estadual de Tributação (SET) lutam por este benefício.

Com a implantação do plano, os servidores do extinto Bandern regularizariam sua situação trabalhista dentro da SET, segundo informa o representante do Sindicato dos Burocratas da Secretaria de Tributação, João Guedes Sobrinho. Além disso, o PCCS também beneficiará todos os burocratas da Secretaria.
----------------------------------------------------------------------

5. II Conferência de Educação discute mudanças no ensino público


Representantes de 11 municípios da região estarão reunidos amanhã para a II Conferência Intermunicipal de Educação. Participam os municípios de Areia Branca, Baraúna, Caraúbas, Felipe Guerra, Itaú, Janduís, Mossoró, Olho D’água do Borges, Rodolfo Fernandes, Severiano Melo e Tibau.

De acordo com a diretora executiva de Políticas Pedagógicas da Gerência Executiva da Educação, Jandira Cruz, as conferências foram divididas em nove polos e cada um deles realiza duas conferências. O primeiro evento do polo de Mossoró foi realizado no último dia 28 de agosto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário