quinta-feira, 24 de dezembro de 2009



Plantão de Notícias das 09h

Deputado da meia anuncia saída do DEM

Ameaçado de expulsão do DEM, o deputado distrital Leonardo Prudente antecipouse ao julgamento e comunicou ontem à noite sua desfiliação do partido. Ele informou que reassumirá a presidência da Câmara Legislativa do Distrito Federal. Prudente estava licenciado do cargo desde o início do escândalo em que o governador José Roberto Arruda (ex-DEM) é acusado de montar esquema de cobrança de propina e suborno de parlamentares.
____________________________________________________

Receita deixa um milhão de pessoas na malha fina

Os esforços da Receita Federal para combater a sonegação em 2009 fizeram com que nada menos que um milhão de pessoas caíssem na malha fina este ano. Esse é o maior número já registrado — pelo menos desde 2005, quando começa a série histórica disponível no Fisco — e representa um aumento de 177% sobre 2008, quando 361.451 contribuintes ficaram retidos. Este ano, 12% dos que caíram nas garras do Leão tiveram problemas com recibos médicos — alvo de uma nova medida de cerco à sonegação, divulgada ontem e que vai dificultar o uso de notas frias, porém obrigará os profissionais da saúde a preencherem mais uma papelada para o Fisco.
____________________________________________________

Sem medo do peso da caneta

Logo depois de admitir que 2010, quando haverá eleição presidencial, será um “ano de pauleira”, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse ontem, em discurso para moradores de rua de São Paulo, que o povo “não deve ter medo do peso da caneta” porque o seu governo está preparado para atender às diferentes demandas da população. Para Lula, é preciso aproveitar o momento, justamente porque o fim do seu mandato se aproxima.
____________________________________________________

Mínimo e aumento de aposentados terão impacto de R$ 16,5 bi em 2010

Antes de embarcar para São Paulo, na manhã de ontem, o presidente Lula assinou a medida provisória que fixa em R$ 510 o salário mínimo a partir de 1ode janeiro, o que representa uma correção de 9,67% em relação ao valor atual, de R$ 465. Lula também assinou a MP que corrige em 6,14% as aposentadorias e pensões do INSS superiores ao salário mínimo, sendo 2,5% de aumento real (acima da inflação). Os novos valores terão um impacto global de R$ 16,57 bilhões nas contas do governo em 2010.
_____________________________________________________

Ganho de empresa alvo da PF cresce 17 vezes sob Arruda

Acusado de alimentar em 2006 o caixa dois de José Roberto Arruda (sem partido), de ter repassado os R$ 50 mil que o governador aparece recebendo em vídeo e de pagar propina ao vice-governador Paulo Octávio (DEM), o Grupo TBA, da área de informática, engordou seu faturamento na gestão do DEM no Distrito Federal. De um ganho médio anual de R$ 1 milhão, passou a R$ 18,6 milhões em 2008 e alcançou R$ 23,2 milhões neste ano, segundo relatório do Ministério Público de Contas do DF, a que a Folha teve acesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário