sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Plantão de Notícias das 09h

Hipótese de Aécio ser o vice tucano preocupa Planalto

O comando da campanha presidencial da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, tem uma preocupação à vista: faz figa para que o governador de Minas, Aécio Neves (PSDB), não ocupe a vaga de vice na chapa de seu colega José Serra na corrida de 2010. Na avaliação reservada dos petistas, uma composição unindo São Paulo e Minas, os dois maiores colégios eleitorais do País, seria perigosa. Em público, porém, todos negam esse receio. "Nós não tememos nem chapa puro-sangue nem sanduíche", disse o líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP).
_______________________________________________

Estelionatária de 52 anos e ficha criminal de 6 m é presa pela 14ª vez


Uma mulher de 52 anos foi presa na capital paulista, na quinta-feira (17), suspeita de ser uma estelionatária que aplicava golpes em locadoras de veículos. Segundo a polícia, quando foi presa, ela estava prestes a aplicar mais um golpe. A suspeita costumava usar os nomes falsos de Ana Luiza, Ana Lúcia, Anízia, Vera e Rosely, de acordo com a investigação.
________________________________________________

Serra mantém estratégia de não anunciar candidatura

Aliados do governador de São Paulo, José Serra (PSDB), avaliam que ele manterá a decisão de não se manifestar candidato à Presidência antes de março do ano que vem, prazo colocado por ele para discutir publicamente a corrida presidencial. Para o círculo mais próximo do governador, será mantida a estratégia de não se colar diretamente ao debate eleitoral, de modo a evitar que sua administração seja vinculada à eleição. Ontem Serra emitiu nota na qual elogia Aécio e prega a unidade, mas não se coloca como candidato. Nela, disse que o mineiro "tem todas as condições para ser o candidato" do partido à Presidência. 
____________________________________________________

PRE emite parecer pedindo cassação de prefeito e vice de cidade do RN



A Procuradoria Regional Eleitoral emitiu ontem, 16 de dezembro, parecer que opina pela cassação dos diplomas de Elizeu Jalmir Macedo e André Marques Jorge, reeleitos prefeito e vice do município de Pedro Velho, nas eleições de 2008. Para o procurador regional eleitoral substituto, Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes, houve captação e gastos ilícitos de recursos de campanha, prática condenada pela legislação eleitoral (30-A da lei nº 9.504/9). De acordo com o parecer, as provas colhidas no processo revelam que Elizeu Macedo e André Marques financiaram o abastecimento de veículos utilizados na campanha eleitoral, com recursos do município.
____________________________________________________

TSE libera propaganda pela internet

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) baixou na noite de quarta-feira regras para a eleição do próximo ano, na qual serão escolhidos o presidente da República, governadores, senadores e deputados. A novidade em relação a outras eleições é a regulamentação clara do uso da internet pelos candidatos. De acordo com a resolução, a propaganda eleitoral na internet será permitida a partir de 6 de julho. Ela poderá ser feita nos sites dos candidatos, dos partidos e das coligações. Os endereços eletrônicos deverão ser comunicados à Justiça Eleitoral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário