segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Plantão de Notícias das 10h

Ex-assessor da Infraero ganhou até apartamento de empreiteira, diz PF

A Operação Caixa Preta - investigação da Polícia Federal que aponta desvio de R$ 991,8 milhões em obras de dez aeroportos contratadas no primeiro governo de Luiz Inácio Lula da Silva, entre 2003 e 2006 - relata casos de ex-dirigentes da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) que teriam recebido vantagens, benefícios e prêmios, inclusive passagens aéreas, dinheiro e apartamento de luxo, de empreiteiras supostamente beneficiadas em licitações fraudulentas. Alvo do inquérito da PF, Eleuza Lores , ex-diretora de Engenharia da Infraero, movimentou "mais de R$ 2 milhões" naquele período, revela a quebra de seu sigilo bancário. "Valores muito superiores à renda da empregada pública recebidos, ao que tudo indica, como proveito dos crimes investigados", assinala o relatório final da missão policial, à página 58.
___________________________________________________

Lula deixa atritos diplomáticos para o seu sucessor

O sucessor do presidente Luiz Inácio Lula da Silva herdará na política externa brasileira uma agenda tão ativa que camuflou omissões, como nas relações com os Estados Unidos e no aprofundamento do Mercosul. Lula deixará de herança pelo menos oito imbróglios que tendem a piorar ao longo deste último ano de mandato. Observador atento da política externa, o embaixador Rubens Ricupero avalia que, no terreno internacional, Lula foi favorecido por sua personalidade carismática e por sua história de vida. Mas o presidente igualmente teve a sorte de atuar em um período de escassez de figurantes emblemáticos na cena global. O quadro, entretanto, tende a mudar especialmente no caso de eleição de José Serra (PSDB) ou de Dilma Rousseff, pré-candidatos considerados mais tocadores de obras que Lula e menos dotados do gosto retórico e do protagonismo que o atual presidente.
___________________________________________________

Empresários e trabalhadores criticam fim da redução do IPI

O benefício de redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para os eletrodomésticos de linha branca, que expira amanhã (domingo-31), deveria ser expandido. É o que defende a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio). Para a entidade, o término da redução afetará o poder de compra das famílias.
___________________________________________________

Praia de Pirangi é alvo de campanha contra câncer de pele

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), regional do Rio Grande do Norte, escolheu a praia de Pirangi como local para realização da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer de Pele. A campanha, que presta orientação à população quanto aos cuidados a serem tomados, especialmente neste período do ano em que a incidência de raios ultravioletas aumenta, será feita em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Parnamirim, que entrará com o apoio logístico, instalando dois banheiros químicos, oferecendo lanches e almoço, além de isolar a área no que diz respeito ao trânsito.
_____________________________________________________

Eleições determinam escolha de líderes no Congresso

A proximidade da eleição presidencial fez com que o Palácio do Planalto e os partidos aliados e de oposição adotassem a mesma estratégia para montar seus times no Congresso. A escolha dos novos líderes, que serão oficializados amanhã, na reabertura dos trabalhos do Legislativo, foi fruto do "ajuste eleitoral" nos campos governista e de oposição. Na Câmara, a cúpula do DEM optou por um nome afinado com a candidatura presidencial do governador tucano de São Paulo, José Serra, enquanto o governo buscou uma alternativa com melhor trânsito no PMDB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário