segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Plantão de Notícias das 10h

Vale do Apodi ganhará Unidade de Beneficiamento do Arroz Vermelho

Os produtores de arroz do Vale do Apodi vão ser beneficiados com a construção de uma Unidade de Beneficiamento do Arroz Vermelho. A importante obra é fruto de parceria da Prefeitura Municipal do Apodi, via Secretaria Municipal de Agricultura e Recursos Hídricos com o Programa de Desenvolvimento Solidário (PDS) do Governo do Estado. Segundo a prefeita Goreti Silveira Pinto, o projeto está orçado em R$ 31 mil e tem previsão para começar na próxima semana.
_____________________________________________________

CAÇULAS DO RN - 15 anos depois registra crescimento

Para se emancipar na década de noventa, vários municípios do Rio Grande do Norte com menos de 10 mil habitantes tiveram que aprovar primeiro uma Lei Especial na Assembleia Legislativa do Estado prevendo mudanças na Lei Estadual de Emancipação Política, autorizando emancipação de municípios com até 2,8 mil habitantes. Assim fizeram as autoridades de Tibau, uma das cidades caçulas do Rio Grande do Norte, segundo informa Milton Guedes. Guedes fez parte da comissão que trabalhou no processo de emancipação política de Tibau do município de Grossos. Hoje, 15 anos depois de sua emancipação, houve crescimento estrutural, econômico e social? Em se tratando de Tibau, houve sim. E muito.
_____________________________________________________

População sofre com falta de emprego em Porto do Mangue

Com um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 85 milhões a cidade de Porto do Mangue desponta como a 18ª maior economia do Rio Grande do Norte, segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). A extração de sal marinho, a produção de petróleo em alto-mar e a pesca artesanal compõem o cenário econômico do município que, segundo dados do Censo 2000, tem uma população de 4.064 habitantes. Com um potencial turístico inexplorado, a população sofre os efeitos das chuvas de 2008 até hoje. Quase 1/3 da população está desempregada.
_______________________________________________________

Produção de camarão caiu 90% no RN

O Rio Grande do Norte registra queda livre na produção e exportação de camarão nos últimos sete anos. De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Camarão, Itamar Rocha, a produção caiu 90% comparado com o ano de 2003. Enquanto neste ano o Estado exportou, no primeiro semestre, 5,7 milhões de dólares de camarão, em 2003, o geral foi superior, US$ 100 milhões. Esse declínio tirou do RN o posto de maior produtor de frutos do mar do país, que agora pertence ao Ceará. Segundo o sub-secretário de pesca do Estado, Antônio-Alberto Cortez, somente nos últimos dois anos as exportações caíram 80%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário